Economia Cafeeira Associações e Sindicatos CECAFÉ – Conselho dos Exportadores de Café do Brasil
CECAFÉ – Conselho dos Exportadores de Café do Brasil
O Conselho dos Exportadores do Café do Brasil - Cecafé - é uma sociedade civil sem fins lucrativos, de âmbito nacional, com sede em Brasília – Distrito Federal. Ela foi criada em 1999 e sua missão é defender os interesses dos associados perante o Poder Público e organismos nacionais e internacionais, fazendo-se representar, quando for o caso, nos respectivos órgãos de consulta e deliberação.

Entre outros objetivos, o Cecafé busca congregar e representar as empresas que exportem café verde e suas entidades de Classe, com vistas a promover e aprimorar o desenvolvimento do setor de exportação de café do Brasil, bem como assegurar a seus associados justa e adequada margem de rentabilidade; atender aos interesses comuns dos Associados, com ênfase na defesa dos princípios básicos da liberdade de iniciativa, do direito à propriedade privada e da manutenção das exportações brasileiras em regime de economia de mercado; e estimular o intercâmbio de informações e experiências, assim como o maior convívio entre as empresas exportadoras de café, servindo como fórum de estudos e debates de temas relevantes ao desenvolvimento do setor, podendo, para essa finalidade, firmar convênios com entidades no Brasil e no exterior.

Além disso, promove a imagem do exportador brasileiro de café junto à comunidade e ao Poder Público e defender os interesses dos associados perante o Poder Público e organismos nacionais e internacionais, de caráter público ou privado, fazendo-se representar, quando for o caso, nos respectivos órgãos de consulta, sem prejuízo da autonomia das entidades regionais e setoriais no trato dos assuntos que lhes sejam específicos e diretamente relacionados.

A Cecafé cria e mantém serviços de assistência técnica, jurídica, tributária e econômica aos Associados, bem como possibilita o seu acesso a informações atualizadas, intensificando a participação dos empresários na formulação de políticas públicas nacionais e setoriais, em especial com relação ao comércio exportador de café; e propõe, perante o Poder Judiciário, medidas judiciais destinadas à defesa dos bens ou interesses de seus associados, bem como de bens ou interesses difusos.